Pontos de Omolu/Obaluaê

Casinha Branca

Casinha Branca, casinha branca
Que eu mandei fazer
Para oferecer a meu Pai Omulu, meu pai Omulu
Seu atotô Abaluaê
Salve minha mãe Oxum
E salve Nanã Buruquê
Seu Atotô Abaluaê
Salve minha mãe Oxum
E salve Nanã Buruquê
Seu Atotô Abaluaê

Na força das Almas vem vibrando

Na força das almas vem vibrando
Quando a lua cheia iluminou
E brilha no cemitério
Clareando a cruz maior
Atotô, atotô, atotô, obaluaê
Atotô, atotô, na cruz maior eu adorei

O velho Omulu vem caminhando devagar

O velho Omulu vem caminhando devagar
O velho Omulu vem caminhando devagar
Apoiado em seu cajado, ele vem nos ajudar
Apoiado em seu cajado, ele vem nos ajudar
Omulu é dono da terra, atotô abaluaê
Omulu é dono da terra, atotô abaluaê

Louvar seu Nome

Omulu, omulu livrai-nos da sede, da peste e da fome
Omulu, omulu médico dos pobres hoje eu vim louvar seu nome
Atotô, Atotô Abaluaê
Com a sua dança espalha o seu poder
Atotô, Atotô Abaluaê
Venha nos salvar, oh, venha nos valer
Atotô, Atotô Abaluaê
Com a sua dança espalha o seu poder
Atotô, Atotô Abaluaê
Venha nos salvar, oh, venha nos valer

Quem ver um velho no caminho

Quem ver um velho no caminho toma benção
Quem ver um velho no caminho toma benção
Deus lhe abençoe, Deus lhe abençoe
Deus lhe abençoe, abaluaê, Deus lhe abençoe
Deus lhe abençoe, Deus lhe abençoe
Deus lhe abençoe, abaluaê, Deus lhe abençoe

Saudação à Omulu

Ele é um grande Orixá
Ele é o chefe da Kalunga
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê
Ele é um grande Orixá
Ele é o chefe da Kalunga
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê
Ele é seu Atoto, oh Abaluaê

Cadê a chave do baú
Só com reza e Omulu
Cadê a chave do baú
Só com reza e Omulu
Cadê a chave do baú
Só com reza e Omulu

Seu Omulu ê, Seu Omulu ê
Seu Omulu ê, Omulu é Orixá
Seu Omulu ê, Seu Omulu ê
Seu Omulu ê, Omulu é Orixá
Saravá seu Omulu, Omulu êê
Saravá seu Omulu, Omulu é Orixá

Salve a Calunga (Omulu)

Salve, salve, salve a Calunga
Salve, salve, salve a Calunga
Seu abaluaê, seu abaluaê
Atotô meu pai, Omulu
Seu abaluaê, seu abaluaê
Atotô meu pai, Omulu

 

ORIXÁ OMOLU

Anúncios

Pontos de Defumação

– CLIQUE AQUI PARA OUVIR –

A Umbanda já acendeu seu candieiro

A umbanda já acendeu seu candieiro
A umbanda já firmou seu congá
A umbanda preparou o seu terreiro
Esta na hora vamos defumar
Oh mais como cheira, mas como cheira
Defumador de umbanda
Cheira alecrim, a umbanda
Cheira benjoim, a umbanda
Cheira alfazema, a umbanda
Pai Xangô, rei de umbanda
Venha nos defumar
Minha mãe sereia leve o mal para o fundo do mar
Estou defumando, estou incensando
Vou defumando, estou incensando
A casa do bom Jesus da Lapa
Nossa Senhora defumou seu filho
Defumou para limpar
Abrindo as portas pra felicidade entrar

Defuma com as ervas da Jurema

Defuma com as ervas da Jurema
Defuma com arruda e guiné
Alecrim, benjoim e alfazema
Vamos defumar filhos de fé

Vamos cruzar nosso terreiro
Vamos cruzar nosso congá
Vamos cruzar a nossa gira
Na fé de Pai Oxalá

Foi, foi Oxalá
Quem mandou eu pedir
Quem mandou implorar
Que as santas almas viessem me ajudar
Seu Tranca na encruza de joelho a gargalhar

Defumação – Corre gira Pai Ogum

Corre gira Pai Ogum, filho quer se defumar
Umbanda tem fundamento, é preciso preparar
Com incenso e benjoim, alecrim e alfazema
Defuma filhos de fé, com as ervas da Jurema

Defumei a minha banda

Defumei a minha banda e firmei meu jacutá
Da Bahia eu vim meus filhos, pra Bahia eu vou girar
Defumei a minha banda e firmei meu jacutá
Da Bahia eu vim meus filhos, pra Bahia eu vou girar
Defumei a minha banda e firmei meu jacutá
Da Bahia eu vim meus filhos, pra Bahia eu vou girar

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo

Nossa Senhora incensou a Jesus Cristo
Jesus Cristo incensou aos filhos seus
Eu incenso, eu incenso esta casa
Na fé de Oxóssi de Ogum e Oxalá
Estou incensando, estou defumando
A casa do Bom Jesus da Lapa

casa espirita de oxossi

Pontos de Cosme e Damião

-CLICK AQUI PARA OUVIR-

A sua casa cheira

Cosme e Damião, a sua casa cheira
Cheira cravo, cheira rosa, cheira flor de laranjeira
Cosme e Damião, a sua casa cheira
Cheira cravo, cheira rosa, cheira flor de laranjeira

Cocada e Guaraná

Titia me deu cocada
Titio me deu guaraná
Gostei foi do caruru
Que a mamãe mandou preparar
Mamãe me deu caruru
Eu comi caruru de mamãe

Coco que faz a cocada

Na Bahia tem um coco
Coco que faz a cocada
Coco que faz o manjar
Para dar para a beijada
Doum, doum, doum,
Doum, Cosme e Damião
Doum, doum, doum,
Brinca sentado no chão

Damião cadê Doum?

Cosme Damião, Damião cadê Doum?
Doum ta passeando, no cavalo de Ogum
Cosme Damião, Damião cadê Doum?
Doum ta passeando, no cavalo de Ogum

Ibeijada esta de ronda

Ibeijada esta de ronda
São Jorge de prontidão
Salve o povo de aruanda
Salve Cosme e Damião

Ibeijada vai embora

Ibeijada já vai embora, aruanda esta lhe chamando
Ibeijada já vai embora, aruanda esta lhe chamando
E vão pro jardim lá do céu, Oxalá esta lhe esperando
E vão pro jardim lá do céu, Oxalá esta lhe esperando
Ibeijada já foi embora, aruanda estava chamando
Ibeijada já foi embora, aruanda estava chamando
E foram pro jardim do céu, Oxalá estava esperando
E foram pro jardim do céu, Oxalá estava esperando

Papai me mande um balão

Papai me mande um balão
Com todas as crianças que tem lá no céu
Papai me mande um balão
Com todas as crianças que tem lá no céu
Tem doce papai, tem doce papai, tem doce lá no jardim
Tem doce papai, tem doce papai, tem doce lá no jardim

casa espirita de oxossi